Pregações do Padre Léo

O Blog disponibiliza pregações do Padre Léo em áudio e vídeo. Clique aqui.

Promoções e sorteios

Há mais de três anos o Blog Padre Léo Eterno busca evangelizar doando prêmios relacionados ao Padre Léo Para um de seus leitores a cada mês. Confira resultados e a promoção mais recente.

Acompanhe o blog nas redes sociais

Sabia que muita coisa que não aparece aqui no blog está nos perfis que mantemos no Facebbok, Instagram e também no Twitter? Siga e curta!.

Textos para reflexão

O blog reserva espaço a reflexão através de trechos de livros e pregações do Padre Léo e do que mais Deus nos inspirar. Boa leitura!.

domingo, 19 de fevereiro de 2017

Não perca a paz!

Que é preciso semear. Que eu colho aquilo que planto. Que não existe destino. Que a vontade de Deus é que na minha vida tudo vá bem. 



"Ah! Mas a vontade de Deus... E quando a vontade de Deus é uma coisa ruim?"

Nunca a vontade de Deus será uma coisa ruim. E isso é uma coisa errada que nos ensinaram. Nunca! 

"Mas a doença? A doença não é da vontade de Deus?"

Não. Porque se a doença for da vontade de Deus, o maior pecador que já esteve nessa Terra foi Jesus Cristo! Porque a Bíblia diz com todas as letras que Ele curava todos os doentes. Uai, se Ele cura doença, por quê? 

"Se a doença é vontade de Deus, você tem que aceitar a doença..."

Mas é muito mais fácil eu colocar a culpa no outro! E o encardido faz isso com a gente... Eu faço o mal, eu gasto o meu melhor com o pecado, as consequências virão mais dia ou menos dia... Virão! 

Não precisa você se preocupar se uma pessoa está indo no caminho errado... Se ela não quer mudar de vida. Você já rezou com ela? Já falou com ela? Ela não quer mudar de vida? Não se preocupe: fruta podre cai sozinha do pé. E se esborracha no chão! Cai! Quantas já cairam! Não perca a paz! 

Padre Léo 

Trecho da pregação "Procurai a paz". 

Para adquirir essa e outras pregacões, livros e homilias de padre Léo, além de produtos da Comunidade Bethânia, clique aqui. 

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Pregação: Nem tudo me convém

"Tudo me é permitido, mas nem tudo convém. Tudo me é permitido, mas eu não me deixarei dominar por coisa alguma." 
Este versículo, que se encontra em ICor 6,12, serviu de base para a pregação do padre Léo em 09/02/2002, Acampamento de Carnaval, sede da Canção Nova, em Cachoeira Paulista.

Com o Carnaval chega o tempo de festa e de alegria. A alegria das drogas, da bagunça, do sexo desenfreado... e que podem trazer consequências trágicas.
A citação de Paulo é um recado aos seus inimigos que tinham um falso conceito de liberdade, pensavam que tinham o direito de fazer tudo quanto queriam. Padre Léo vem dar esse recado, vem alertar, principalmente a juventude sobre o perigo do mal uso da liberdade. Toma-se decisões erradas e paga-se um preço muito alto.

Liberdade e Libertinagem.
"Libertinagem é eu faço o que quero, quando quero, na hora que quero, liberdade é o contrário de libertinagem, a falsa liberdade diz, eu faço o que quero do meu corpo... O ser humano se embeleza para chamar a atenção para si próprio, antes de Jesus Cristo, a ideia de liberdade era contrária de prisão, escravidão, você não é livre, é escravo, está preso, o ser humano foi criado para ser Livre, Jesus elevou essa condição de liberdade na obediência, a obediência sem liberdade, vira escravidão... 
Obedecer Jesus é tomar posse da liberdade, não podemos usar erradamente a liberdade, senão vira libertinagem, pois tudo me é permitido, mas nem tudo me convém, a consciência humana é um sacrário vivo". 

Imagem real do que ocorre nos dias de folia.
"Deus não manda ninguém para o inferno, mas a sua liberdade o leva para o inferno, o mundo não nos ensina que o uso errado da nossa liberdade nos leva para o inferno, até os anjos que usaram mal a sua liberdade, foram precipitados no inferno, por acaso você é melhor que os anjos? A sexualidade quando usada na libertinagem ela deixa uma marca pior que a da AIDS, o uso errado da liberdade, leva o ser humano a morte, será que você achou pouco o que Cristo fez na cruz nu por você?"

Jovem, viva uma vida cristã, neste carnaval, porque nem tudo te convém. Padre Léo nos fala sobre as consequências desastrosas da libertinagem sexual vivida desenfreadamente no carnaval. E outros males como excesso de bebida, droga, briga...
Essa pregação é um contínuo convite ao jovem a viver este carnaval na alegria do Senhor.
“Alegrai-vos sempre no Senhor!”

Escolha tipo e tamanho da fonte do texto:

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Aprendendo a reconhecer Jesus nos excluídos

"Quantas vezes você reconheceu esse Jesus extrupiado, sujo, fedido, caído nas calçadas inclusive das portas de muitas e muitas igrejas? E depois diz assim:

"Oh, meu Deus, por que será que tudo dá errado na minha vida? Por que será que Deus não escuta minha oração?"




Quantas pessoas enquanto estão plantando bananeira no Espírito lá, em torno de Jesus:

"Oh, Senhor! Porque Jesus está no ostensório e eu estou adorando Jesus. Oh, Jesus! Aleluia!"

E quando sai tem um irmão caído ali, sujo, drogado, prostituído, machucado e ferido. O que eu faço? Eu contorno. Ou quem sabe eu falo:

"Oh, Senhor! Cuida dele, Senhor!"

E o Senhor está dizendo: 

"Mas eu quero cuidar. É por isso que eu o pus no seu caminho!"

Padre Léo 


Para adquirir esssa e outras pregacões, livros e homilias de Padre Léo, além de produtos da Comunidade Bethânia, clique aqui. 

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

O grande drama dos casais modernos

"A intimidade é fruto da oração. Sabe que o grande drama dos casais modernos encontra-se aí? Eles não têm intimidade. Eles dormem na mesma cama. Eles comem a mesma comida. Têm até conta conjunta no banco! Partilham o dinheiro. Partilham as dívidas, mas não partilham as dádivas. Isso é triste demais! Falta comunhão de alma!"



Padre Léo

Trecho da pregação "Quem são meus íntimos"

Para adquirir pregacões, livros e homilias de Padre Léo, além de produtos da Comunidade Bethânia, clique aqui. 

domingo, 12 de fevereiro de 2017

O perigo do vício da dependência religiosa

"Infelizmente, alguns jovens quando se convertem seria melhor que não tivessem se convertido. Porque se tornam aquelas 'antas' que agora usam gola até no pescoço, não raspam a perna, não raspam mais o suvaco, não tomam mais banho... Andam com a Bíblia embaixo do braço e só falam 'Jesus, amém e aleluia'! Eu falo isso em um dos meus livros. Isso se chama dependência religiosa. E dependência religiosa é vício pior que dependência química. 



Você foi chamado para ser livre! E livre você só será quando for liberto. Qual é a diferença? Livre significa que não tem nada exterior a mim me prendendo. Liberto significa que eu também não carrego prisões interiores. É muito fácil você ser livre."

Padre Léo

Trecho da pregação "Você nasceu para ser livre".

Para adquirir essa pregação, clique aqui.