sexta-feira, 20 de agosto de 2010

O Amor não morre!

Nascemos, vivemos aqui neste mundo e quando morremos, renascemos de nossas obras. Assim é a vida do nosso saudoso padre Léo Tarcísio, que viveu aqui, seguindo Jesus com fidelidade e ao longo de sua caminhada cristã foi nos instruindo sobre o caminho seguro pelo qual podemos chegar à santidade. Apaixonado por Jesus, foi nos contagiando com esse amor.
Padre Léo foi para a glória, porém está bem presente em nossas vidas, porque deixou marcas profundas, renascendo em nós os frutos das sementes que ele plantou.


Trago aqui trechos de depoimentos de algumas pessoas, testemunhas do que representa esse sacerdote do coração de Jesus em suas vidas:


''O padre foi de grande crescimento interior para mim. Muitas coisas que eu li de como encarar o sofrimento, pude presenciá-la de perto na vida deste sacerdote. Descobri com ele que a vida não vale nada mais do que aquilo de bom que fazemos''.

Dr. Roque Savioli- seu médico


''Ele não foi um guerreiro, ele foi um mártir no sentido pleno da palavra. O mártir é esse guerreiro que testemunhou as coisas do alto com a própria vida''.

Padre Vicente (Com.Bethânia)


''Foi curado muitas vezes, e por meio dele, muitas pessoas foram curadas, não só do corpo, mas também da alma e do coração. Percebi que seu corpo dava sinais de fraqueza, mas nunca tinha visto seus olhos tão fortes e vivos. Sua alma está mais curada do que nunca...''

Padre Joãozinho


''Foi meu aluno de comunicação, estudioso, ávido leitor, inteligência acima da média, excelente orador, animador de comunidade, fundador de muitas bethânias, casas de acolhida de jovens feridos no corpo e na alma pelas drogas, grande escritor, animador de rádio e televisão. Ele deixava marcas. Impossível não amá-lo. Era sincero, dizia o que pensava. Dava-me nota 10 quando a aula lhe agradava e nota 7 quando achava que eu podia ter dado mais...''

Padre Zézinho


''Quantas vezes vendo o Léo de longe, lá em casa, e ele aqui na Canção Nova, eu chorava igual a uma criança, lá do outro lado, porque a palavra dele estava agindo dentro de mim, de maneira redentora, a palavra dele estava me salvando do outro lado da televisão...''

Padre Fábio de Mello


''Vivemos momentos de dor e de saudade pela sua partida, mas acreditamos que ele está mais perto de Deus e nosso consolo vem da esperança de que com ele também nós estaremos. Ele leva um pouco de nós para Deus e deixa muito de si em nossos corações...''

Canção Nova


Aqui foi plantando o amor e da semente veio o fruto: o céu.

''...hei de colher, buscando no amor viver, na terra existe dor, mas também existe o amor''. (Rastros de Deus)

2 comentários:

  1. Conheci-o em junho de 2008, não sabia que ele havia morrido. Remexida por suas palestras o único caminho para mim foi a conversão. Ele me conduziu de volta à igreja 1 ano e meio após seu falecimento!!!! E até hoje, me anima e me inspira.Tenho vários livros e DVD's dele os quais distribuo com familiares, amigos e simples conhecidos.
    Padre Léo,muito obrigada pelo seu sim; sua palavra simples porém forte e destemida me libertou do "encardido" mostrando-me a face misericordiosa de JESUS!

    ResponderExcluir
  2. eu vim conhecer o padre léu muito tarde,foi no ano 2005 na tv cançao nova na não entendia muito,eu gostava e gosto muito de suas pregações,quando fui saber mais sobre o padre,ele avia poucos mes de sua morte,fiquei muito triste,mais hoje tenho varios livros,cds,dvds,eu só tenho agradecer a DEUS que colocou este anjo na terra para ajudar pessoas como eu,que não conhecia o amor de DEUS,sabia que ele existia,mas não conhecia o seu amor.

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!