quarta-feira, 9 de março de 2011

Campanha da Fraternidade

Hoje, quarta-feira de cinzas, inicia-se a Quaresma, período de quarenta dias, trilhando um caminho de renovação, chegando à grande festa da Páscoa do Senhor.
A Campanha da Fraternidade deste ano traça novamente um roteiro voltado para conversão pessoal e comunitária. Tem como tema: Fraternidade e a Vida no planeta, e como lema: “A criação geme em dores de parto” (Rm 8,22).

A Campanha da Fraternidade vem nos falar sobre o meio ambiente, vem nos alertar sobre a gravidade dos acontecimentos, e refletir sobre as causas e consequencias da ação do homem no planeta.
Segundo o apóstolo São Paulo, estamos sentindo dores que fogem ao nosso controle, não só dor física, mas dor espiritual. Até a natureza chora, sofre pelos nossos pecados. A criação tornou-se sujeita ao sofrimento por causa do pecado humano.
A natureza geme silenciosamente. É um gemido silencioso, um aperto no coração, que aparece nos desmatamentos, nas queimadas, nas poluições da água, do ar e do som... Os terremotos e enchentes que causam mortes, prejuízos financeiros, etc.
Também nós seres humanos gememos, pois experimentamos a dor e a tristeza.

Sabemos que nosso planeta está em alerta vermelho. Não adianta constatarmos que o planeta está doente e por isso geme. O objetivo da Campanha é conscientizar, preservar e proteger o lugar onde vivemos.
Observemos o cartaz da CF. Diante do caos, vemos também que ainda há esperança, a borboleta que representa a Vida. Estamos aqui para sermos colaboradores na Criação, fazer deste mundo, um mundo melhor. Portanto, cabe a cada um, zelar e trabalhar para viver o céu que começa aqui. ''Será muito difícil sonhar com este mundo novo? O sonho é uma manifestação do nosso subconsciente. No momento em que sonhamos estamos planejando este mundo novo, porque possuímos plantada dentro de nós a semente dessa renovação". (do livro: ”Rastros de Deus”)
Vivemos essa expectativa, essa esperança de conseguir a vitória final. Que saibamos testemunhar com mais entusiasmo a presença do Deus Criador no mundo, através de ações concretas, para que possamos resgatar a herança que Ele nos deixou.

Márcia A Bezerra

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!