domingo, 10 de abril de 2011

Orando e aprofundando a cura interior


15ª Semana
1Sm 1, 10ss: “Ana profundamente amargurada, orou ao Senhor e chorou copiosamente”.

Diante do questionamento de Eli, se estava bêbada, ela nos dá uma das mais belas definições de oração de toda a Bíblia: Não bebi nem vinho, nem álcool, “mas derramo a minha alma na presença do Senhor” (v. 15b). Ana nos ensina a abrir o coração diante de Deus. Nós sempre choramos nossas mágoas diante de alguém. A verdadeira oração acontece quando temos a coragem de chorar nossas mágoas diante de Deus.

Padre Léo

2 comentários:

  1. é preciso chorar mais diante de Deus, nos que estamos confessando nos botecos, nas zonas,para os amigos, visinhos.. precisamos chorar mais diante de Deus. Pois só quem chora diante de Deus pode sorrir diante das pessoas. Peço hoje ao Senhor a graça de chorar diante de Deus, para que Deus possa fazer a cura interior do nosso coração.

    ResponderExcluir
  2. Padre Léo, ao refletir esse trecho de I Samuel está nos mostrando um dos fundamentos da Cura Interior: levar diretamente ao coração do Senhor todas as nossas preocupações, as nossas mágoas, os ressentimentos...
    Então devemos fazer como Ana, devemos nos colocar diante de Deus em oração, tendo a plena confiança de que nada é maior do que o seu amor por nós. Tendo a certeza de que Ele fará resultar em bem tudo quanto ocorrer conosco.
    Essa é a verdadeira oração.

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!