domingo, 9 de outubro de 2011

Orando e aprofundando a cura interior


41ª Semana
Lc 24,13-35

Este pedacinho do Evangelho de Lucas é fabuloso. Os discípulos que voltavam para Emaús, desanimados, cabisbaixos, pessimistas e derrotados, somos cada um de nós, quando temos o coração ferido e machucado.

Não encontramos alegria para viver e só sabemos comentar as coisas negativas. A angústia é tão profunda que não percebemos nem mesmo quando o Cristo se aproxima e caminha conosco pela vida. Parece que estamos abandonados por Deus.

Mas Jesus sempre caminha conosco, especialmente por sua Palavra e na Eucaristia. Por isso precisamos aprender a rezar com estes discípulos: "Senhor, fica conosco, já é tarde e já declina o dia". Quando temos a coragem de convidar Jesus para fazer parte de nossa vida, então nossos olhos se abrirão.

Como eles, reconheceremos Jesus na Eucaristia e voltaremos para a vida com alegria e determinação. Quando experienciamos a cura interior e nos encontramos com o poder da ressurreição de Jesus, então voltamos para a vida com entusiasmo e ardor renovado. Então podemos testemunhar, com nossa vida, que o "Senhor ressuscitou verdadeiramente".

Padre Léo

Um comentário:

  1. Senhor hj estou pior que o os discípulos de emaús, preso nessa angustia que tomou conta do meu coração, com lagrimas nos olhos, queria pedir que mesmo eu nao te enxergando, feitos os descipulos, o Senhor não me abandonasse, quero hoje agradecer ao Senhor por esse estado que me encontro de tristeza profunda,Obrigado Senhor ! pq sei que resta somente a Ti e não vai adianta em nada eu coloca esparatrapo (novas cascas) no meu coração ferido e machucado, qro deixar cair as cascas que eu tenho colocado no meu coração, dai-me um coração novo, sabes Tudo Senhor, sabe essa pessoa que tenho sido, agora Senhor quero ser um cachorro atras do Senhor seguindo seus rastros, Misericordia Senhor ! Amém

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!