domingo, 1 de janeiro de 2012

1ª Semana - Orando e aprofundando a cura interior


Queremos iniciar 2012 da melhor forma, ou seja, rezando com o padre Léo. E a exemplo do ano passado, todos os domingos seguiremos o roteiro que padre Léo nos deixou no livro Seja feliz todos os dias!

Seja feliz todos os dias:

Neste terceiro capítulo selecionamos 52 textos bíblicos, do Antigo Testamento e do Novo Testamento, para as 52 semanas do ano. Aqui procuramos ajudar a oração de cada um com pequenas reflexões ou orações a partir do texto.

Como os temas são semanais, nossa proposta é que durante uma semana você possa ir meditando e orando a partir da Palavra de Deus. Nosso objetivo é descobrir a Bíblia como a grande resposta de Deus para todos os problemas, de todas as pessoas, de todos os tempos. 

Ela é a Palavra Viva de Deus, hoje, para cada um de nós. De acordo com os sentimentos do seu coração e com as experiências vividas, procure um destes textos. Aprenda a saborear a Palavra. Rumine-a com alegria e serenidade em seu coração.


1ª Semana

Gn 3,8b: “O homem e sua mulher esconderam-se da face do Senhor Deus, no meio das árvores dos jardins”.

E hoje em dia continuam se escondendo no meio das árvores da falta de diálogo, da incompreensão, das brigas, de infidelidade, da traição, da mentira... Infelizmente, a pior e mais terrível consequência disso é o divórcio. Tenho atendido muitos filhos de pais separados. Tenho acompanhado muitas pessoas que passaram pela experiência da separação.

E sei o quanto isso machuca e fere, por isso é muito importante fazer oração pelos casais; ajudar os casais a achar tempo de estar na presença do Senhor; fazer oração pelos cônjuges separados e também pelos seus filhos. A experiência do divórcio, por mais maduro que possa ser o casal, sempre deixa marcas terríveis. A pessoa passa por uma experiência de rejeição, de negação de si mesmo e de sua autoestima, de vergonha, de culpa, de medo e, por que não dizer, de raiva e ressentimento. Quanto mais doloroso for o processo, piores serão as consequências.

Por isso precisamos ajudar a pessoa a compreender sua experiência. Vejo aqui dois aspectos deste ministério: primeiro, precisamos encontrar pessoas, se possível casais, para uma boa pastoral com outros casais (oração, aconselhamento, retiros, partilha de vida), a fim de ajudar na prevenção desse grande mal. Segundo, precisamos ter uma equipe de pessoas que façam orações por aqueles que passaram por essa experiência e por seus filhos. Todos ficam marcados negativamente com o divórcio. Então, ajudemos estas pessoas a se encontrarem novamente em Deus.

Livro: Seja feliz todos os dias - Pe. Léo


0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!