sexta-feira, 11 de maio de 2012

Livre acesso

A paz meus irmãos! Após um longo tempo sem escrever, retorno as minhas atividades normais aqui no blog. Porque me ausentei? Algumas vezes nas nossas vidas precisamos nos 'retirar', procurar um momento de deserto interior, um momento para ouvir a voz de Deus, para buscar sabedoria e verdadeiramente curar algumas coisas em nossos corações.


Após QUATRO verdadeiras experiências com Deus [em uma única semana], com Jesus ressuscitado, retorno repleto de luz e cheio de coisas a partilhar. Acredito que passei pela minha Estrada de Damasco, e não tem como permanecer o mesmo Jonathan, o mesmo filho, o mesmo servo. 


Agora para mim ficou muito mais claro porque o apóstolo Paulo mudou radicalmente de vida, agora eu entendo muito mais porque o Pe. Léo encontrou graça diante de Deus e ao longo de sua enfermidade saboreou várias graças. Vamos começar?


Jesus sempre bate na porta de nossos corações, e o primeiro passo para que Ele entre, é necessário que nós abramos a porta. Ele jamais vai arrombar essa porta, jamais vai infringir a nossa liberdade, a nossa escolha. 


Muitos de nós até abrimos essa porta, mas infelizmente não damos total acesso a Jesus. Às vezes se passam meses e até anos e nossa vida continua do mesmo jeito. Continuamos na luta, nas orações, nas renúncias e por muitas vezes nossas orações são verdadeiros tribunais com Deus, quando metralhamos Ele com inúmeras perguntas.


Como Jesus vai mudar nossas vidas se nós não damos total acesso para Ele? Se não damos o nosso coração por completo? Como Ele vai restaurar, curar o nosso coração, nos dar um novo coração se nós mesmos não nos libertamos de nossos pecados, de nossos problemas, nossos sofrimentos, nossos ressentimentos? 


Talvez a resposta para a pergunta que você tem feito ao longo dos anos seja essa: dê total acesso no seu coração para Jesus! Eu entendo que muitas vezes temos medo do que estar por vir, do que Ele poderá fazer, mas aí descobrimos outro detalhe muito importante.


Se não queremos dar esse total acesso a Jesus, provavelmente ou com certeza o que nos faz sofrer, são as nossas próprias atitudes, nossas próprias escolhas em continuar do mesmo jeito, em continuar com os mesmos problemas, em continuar dando murro em ponta de faca ou como diz nosso amado Pe. Léo: sendo antas!


Larga de ser besta, larga de ser anta, sofrendo você já está. Será que não será mais satisfatório sofrer para curar, sofrer para cicatrizar uma ferida que há muito nos machuca? Será que vale o esforço? Será que vale a pena?


Pois eu lhe digo, pois sou testemunha do que Deus tem feito na minha vida. Vale muito a pena, vale todo sacrifício, vale cada esforço, cada superação, cada oração, cada atitude de fé. Pague o preço dessa cura, pague o preço do seu milagre, seja um milagre de Deus na terra.


Para finalizar uma frase do escritor Roberto Shiniashiki: "Aquele que fica adiando o dia de ser feliz, a morte lhe encontra primeiro". Se Jesus se deu por inteiro na noite do lava-pés, se Ele deu TODO seu coração, todo seu SANGUE na Cruz por você, porque você não dá o seu completamente a ele?






Com carinho...
Jonathan Melo - 11.05.2012

2 comentários:

  1. lindo!! sábias palavras!! coragem para mudar, caminhar com Jesus, abra seu coração para ele!!! sem medo!! bjo e boa noite.

    Carolina Guzzo

    ResponderExcluir
  2. Jesus, entra nas nossas vidas! transforma o nosso interior!

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!