domingo, 13 de maio de 2012

Maria Nazaré, mulher e mãe do coração curado!

Hoje, nesse dia especial, dia de todas as mães, nos alegramos, e mais uma vez vamos falar da grandeza de uma vida, de uma vida doada, do exemplo de vida de Dona Nazaré, mãe do nosso saudoso padre Léo. 

Ao longo de nossa existência vamos adquirindo vivência, sabedoria, santidade, na medida em que abrimos o coração para discernir as coisas de Deus. Dessa forma afirmamos que a vida de Dona Nazaré é um exemplo para sermos grandes e cheios da graça de Deus. Podemos sentir a paz quem vem do Senhor mesmo em meio às tribulações, mas é preciso acreditar nas promessas de Deus, e beber o cálice das alegrias e das tristezas, que a vida nos propõe.

Dodô, Rubens, Sebastião, Isaura e Celina (as gêmeas), Léo Tarcísio (padre Léo), Paulo e Quinzinho Pereira. Estes são os seus sete filhos e o marido, que essa mulher forte e guerreira, no silencio de sua dor, os entregou a Deus. O marido e sete dos seus doze filhos,  já estão no Céu. Ela viveu momentos de amor com eles, para suportar os momentos de dor.
Da vontade humana tão fraca surge aí um desejo maior que é o de se entregar à vontade Divina, porque ela acredita que nem mesmo a dor, o sofrimento, a angústia, a morte poderão separar do amor de Deus que está em Cristo. Essa força que vem do alto é a sua fé, uma fé perseverante, uma esperança madura.

Dona Nazaré já praticava a cura interior, antes mesmo de seu filho, padre Léo, se aprofundar no Ministério de Cura Interior, quando escreveu: "A cura interior é a graça pela qual vamos permitindo que o Espírito Santo nos plenifique com o amor de Deus... Só quem se aproxima de Jesus permanece de pé, na hora da cruz". 

Dirigindo-se à Maria Santíssima, padre Léo escreveu: "Mesmo vivenciando profundamente essas situações dolorosas, Maria se comporta como alguém plenamente curado. Suas dores não são motivos de lamúria, de reclamação, ou tristeza". Com essas mesmas palavras dirigimo-nos a Maria Nazaré, a mulher e mãe do coração curado.

Na figura de Dona Nazaré, nossa gratidão a todas as mães, que nasceram com a missão de amar. Um amor sem limites, dando testemunho de Cristo Jesus.

clique na imagem para ampliar


Feliz “Dia das mães”!
Equipe do blog padre Léo Eterno.

3 comentários:

  1. Essa mulher é muito forte, e essa força sem duvida vem de Deus!Dona Nazaré que Deus continue a iluminando sempre....

    ResponderExcluir
  2. D.Nazaré quero muito seguir o seu exemplo de fé, força e superação.Sem dúvida a sua vida é sinal da presença de Deus.
    Patrícia - Belo Horizonte

    ResponderExcluir
  3. Sinto ate hoje saudades do Pe.Leo.Queria tanto que ainda estivesse em nosso meio,porem o Pai nao o quis aqui.Agora,intercede por nos,no ceu.

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!