quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Meu amigo "Léo"!

A amizade entre duas pessoas se dá depois de um período. Ela vai sendo construída, trabalhada, durante a convivência. O autor do “Pequeno Príncipe”: Exupéry, lembra-nos que não há loja de amigos, não há como comprar um amigo.
Assim aconteceu a amizade entre padre Léo e Miramar (personagem da “Tenda do Senhor”).

A amizade foi se fortalecendo, um conhecendo os limites do outro, um contando com a fidelidade do outro: “fora do ar já tinha visto ele ficar bravo, nervoso, fora do trivial dele que era ter sempre um sorriso maroto e uma piada pronta. De repente, eu falava com ele e ele fazia cara de triste, de chateado. Nunca tinha visto ele ficar assim. Pensei: que será que estou fazendo de errado?” 

A amizade treinou o seu coração para chamá-lo de Léo (em sua casa, também na comunidade padre Léo era chamado simplesmente: Léo, Leozão, pai, paizão)
“Na verdade, como aprendi e considero certo só o chamava de Padre e “senhor”. Por um tempo ele aceitou, depois ele me acolheu no coração gigante dele e aí eu passei a ser amigo e amigo dele só o trata por Léo. Fiz o teste: “O Léo, você não acha patati patatá etc?” E ele respondeu: “Claro filho…” É assim, fazer alegria de amigo é tratá-lo como gosta de ser tratado. Por um tempo estranhei muito. Depois acostumei…”. 

Essa relação de amizade, esse sentimento nunca vai morrer, porque deixou marcas profundas.
“Por isso, continuo dizendo: O Léo está pensando que foi aí pra junto de Jesus e Maria pra curtir a Vida Nova? Se liga, negão! Pode trabalhar aí! Não vou dar sossego não! O céu vai ficar pequeno pra quantidade de serviço que nós vamos te dar! Nosso Senhor vai até te dizer:"Léo, não era pra ficar grudado em mim o tempo todo que eu te trouxe não…". 

Muito pobre seria essa amizade se não tivesse a afinidade que experimentaram ao longo da convivência.
“A parte boa é que agora a gente fala e ele não vem com uma resposta na ponta da língua. rsrrssss. Tem que ouvir sem responder… Isso é que é santidade…”. 

Texto foi extraído do blog do Miramar (Na Mira), postado em 23 de março de 2007

Um comentário:

  1. TEXTO LINDO....HEIN, MIRAMAR!!! ME EMOCIONEI, ALIÁS ME EMOCIONO SEMPRE COM TUDO QUE SIZ RESPEITO AO SAUDOSO, AMADO E QUERIDO PE. LÉO...QUE AMIZADE LINDA A DE VOCÊS...DÁ VONTADE DE PEDIR:::: JESUS, ME VOLTA NO TEMPO, PARA QUE EU POSSA PRESENCIAR ESTA AMIZADE DE AMOR, SINCERIDADE E FIDELIDADE?? ME VOLTA JESUS...QUERO VÊ-LOS, BRINCANDO, CONVERSANDO,OU ATÉ MESMO O PE. LÉO, DANDO BRONCA DE CARA AMARRADA COMO ELE MESMO DIZIA....JESUS, EU NÃO O CONHECI EM VIDA...MAS POR FAVOR ME DÊ A GRAÇA DE QUANDO EU VOLTAR PARA OS SEUS BRAÇOS EU PODER DAR UM ABRAÇO BEM FORTE NO PE. LÉO, E BEM BAIXINHO NO SEU OUVIDO DIZER:: MUITO OBRIGADO QUERIDO, EU TE AMO, MUITO OBRIGADO POR TODA SUA INTERCESSÃO EM MINHA VIDA...JESUS O OUVIU QUANDO O SENHOR PEDIU POR MIM....TE AMO VIÚ, PADRE!!! E EU E TODO O POVO LÁ DA TERRA AGRADECEMOS POR UM DIA ...MESMO QUE POR POUCO TEMPO O SENHOR TENHA VIVIDO NO MEIO DE NÓS!!!!BEIJOS JESUS...BEIJOS MARIA...BEIJOS PADRE!!!! CARMINHAPELEO@HOTMAIL.COM... OBRIGADO MIRAMAR EU E MINHA FAMÍLIA......TE AMAMOS!

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!