domingo, 18 de novembro de 2012

Preparando as derrotas!

Que o amor e a misericórdia de Deus esteja convosco! Meus queridos e amados irmãos, esse título foi inspirado na frase do nosso querido e sábio Padre Léo: "Nós preparamos as nossas próprias derrotas"! Que sabedoria, que unção, que Deus seja cada dia mais louvado por toda essa sabedoria. 

Passei mais de uma semana meditando nessa frase. Ela chegou na hora exata. Eu posso olhar para o meu passado e confirmar que, de fato, a maior parte das derrotas que vivi em minha vida, eu mesmo quem gestei cada uma delas. Tem um lado positivo nisso tudo, pois é muito bom poder olhar para trás e perceber que algumas derrotas já não estão sendo mais preparadas.

Hoje posso enxergar também na vida de pessoas que amo, as mesmas atitudes que um dia já tive quando eu preparava as minhas derrotas. Acredito que muito do que nós preparamos é reflexo da imagem que temos de nós mesmos. Reflexo de uma sociedade que massacra nossa autoestima, reflexo de todas as rejeições, traumas, complexos, decepções, dores que vivenciamos ao longo de nossas vidas.

Isso marca tanto o nosso coração de forma negativa que deixamos de acreditar em nós mesmos. Achamos que não somos mais capazes e quando acreditamos, achamos que não merecemos. Inclusive ainda há irmãos cristãos nossos que ainda tem uma visão que Deus nos castiga, que Deus nos condena pelos nossos erros e pecados. 

Mais triste ainda é quando muitas vezes nós achamos que Deus não ouve nossas orações ou não nos atende. Quando isso acontece reforça ainda mais a nossa visão negativa sobre nós mesmos, como por exemplo: "eu não mereço o amor de Deus", "Deus não me ouve porque sou pecador", "eu sou muito fraco e não tenho fé por isso Deus não me atende", "eu sou fraco e limitado", "eu não presto", "eu não mereço amor"... e tantas outras idéias negativas.

Deus criou-nos como sua obra prima, de modo tal que nos deu capacidades, dons e talentos. Tudo que nós precisamos para termos uma vida plena ele depositou em nossos corações. Mas ao longo da vida vamos substituindo 'as coisas do Alto' que ele colocou em nosso coração, pelas 'coisas da terra' devido a todas as dores e sofrimentos que passamos. 

Dessa forma vamos sendo treinados para guardar em nosso coração tudo aquilo que é de ruim, todo lixo emocional, sentimental, sexual... Como colhemos aquilo que semeamos, não podemos plantar coisas ruins e colher boas, o máximo que podemos conseguir é dar a Deus o que é de ruim e deixar que disso ele transforme em algo bom, mas sozinhos não conseguimos nada. 

Como podemos receber amor se acreditamos que não merecemos amor? Como podemos conseguir um bom emprego se achamos que não merecemos tal cargo? Como podemos ser aprovados num teste de seleção se nos achamos incapacitados? Como poderemos reconstruir relações se nos culpamos e achamos que não merecemos perdão?

Mas eis que hoje eu lhe digo: PARE! Você não é um derrotado (a), não é um (a) fracassado (a), não é um (a) incapacitado (a). O máximo que pode estar acontecendo é que você está passando por um momento de dificuldade. 

Mesmo que Deus não nos tivesse dado dons e capacidades, eis que Jesus ressuscitou e nos enviou o seu Espírito. O Espírito de Sabedoria, o Paráclito, o Consolador. E eis que o Espírito Santo de Deus, o Espírito que é vida quer entrar no seu coração nesse exato momento e retirar todo o lixo que há dentro dele e quer ressuscitar o seu coração, inundá-lo de muito amor!

Consagre a Deus nesse exato momento todo o seu coração. Entregue a Deus todos os seus medos, suas dúvidas, suas lembranças negativas. Deixe Jesus lavar o seu coração com o seu sangue puro e santo que jorrou do seu peito na cruz. Creia meu irmão, creia minha irmã, tome posse disso hoje! Deixe Deus fazer de você uma nova criatura! Deus ama você!

Abraço fraterno! 
Jonathan Melo

Um comentário:

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!