sábado, 25 de maio de 2013

Buscando o sentido do sofrimento!

Antes de ser borboleta ela é uma lagarta, que para se transformar precisa criar um casulo. Para ficar livre do casulo, o sofrimento é enorme: as asas vão crescendo e o espaço fica pequeno. Ela precisa sair dali. E vai se esfregando nas bordas e se ferindo para se livrar daquele tormento. Mas esse processo a deixa mais forte. Quando rompe a casca ela já pode voar.

Precisamos entender o sentido da dor em nossa existência, uma visão mais ampla vamos constatar que o sofrimento nos amadurece, provoca mudanças, transformações. Podemos sim, sairmos fortalecidos diante de uma doença. Todos nós sofremos por alguma razão, porém, a forma com que o encaramos é que se torna mais ou menos grave.

Um dos elementos fundamentais na busca do sentido do sofrimento é a nossa fé, porque ela acontece nos momentos mais difíceis de nossa vida.
Padre Léo encontrou esse significado, porque associou a sua dor ao sofrimento redentor de Cristo.
A sua atitude de fé o levou a dar este testemunho: "Tem dias que não tenho vontade de rezar, não consigo concluir o ‘Pai Nosso’, por causa das dores e de tudo o que eu estou passando com o câncer. Mas sei que quem sofre com Cristo, o sofrimento tem sentido e vocês precisam levar isso a sério, porque as pessoas precisam fazer a experiência de acreditar em um Deus que as sustenta". 
Ele tomou seu sofrimento nas mãos e o entregou nas mãos do Senhor. Buscou dentro de si uma força maior: a sua fé em Jesus Cristo. "A dor passa, mas a fé permanece. A dor volta, mas a fé permanece", dizia. Esse processo o deixou mais forte para fazer da própria vida uma entrega, uma vida de comunhão com Deus.

No tempo certo o Senhor veio ao seu auxílio, rompeu a casca do casulo, e livre pôde voar... para os braços do Pai. Encontrou assim, o sentido de sua própria existência.

Nunca vamos entender a maneira silenciosa de Jesus estar presente na vida de um doente, somente pela fé. Quando compreendermos essa dimensão da fé, seremos capazes de transcender, superar quaisquer obstáculos, venha o que vier, aconteça o que acontecer, pois:“Tudo é possível ao que crê”.

12 comentários:

  1. pe. Léo quanta saudade do senhor, agora bateu uma saudade tão fina que não resistir as lágrimas. O senhor através do amor demosntrado por Jesus será eterno em meu coração, saudade ateh de suas arengas!

    ResponderExcluir
  2. Meu Deus como é difícil para a mente humana alcançar essa dimensão e compreender...mas só pela confiança seu imenso amor posso aceitar.

    ResponderExcluir
  3. grande padre léo um exemplo de perseverância e fé até o fim com cristo jesus

    ResponderExcluir
  4. padre lèo e um anjo de Deus, saudades

    ResponderExcluir
  5. Saudade sempre......Estas homilias, palestras nos deixam ter um sentimento bem perto de Jesus!!

    ResponderExcluir
  6. Saudade sempre....As homilias e as palestras, nos deixam mais perto de Jesus!!!!!

    ResponderExcluir
  7. como dizia padre fabio Deus usou desse homem para visitar o mundo, até depois de sua morte continua evangelizando com suas pregações. mesmo sendo de tão longe e não ter te conhecido, saudades padre Léo

    ResponderExcluir
  8. Pe Léo que herança o senhor nos deixou, de encorajamento, paciência de fé. Quanto mais escuto suas palavras mais forças tenho para superar os problemas que vida nos prega.
    Rosangela

    ResponderExcluir
  9. Pe. Léo que pena de ter lhe conhecido só em 2011, mais lhe sinto tão presente, seus ensinamentos vão ficar para sempre no meu coração.

    ResponderExcluir
  10. SAUDADES ETERNAS. SINTO UMA PROFUNDA TRISTEZA POR NÃO TER O Pe. LÉO AO NOSSO LADO.

    ResponderExcluir
  11. SAUDADES ETERNA! SINTO UMA PROFUNDA TRISTEZA POR NÃO TER SUA PRESENÇA NO MEIO DE NÓS. ME CONTENTO COM SUAS PALESTRAS QUE EU AMO DE PAIXÃO. VC ESTA VIVO NO MEU CORAÇÃO.

    ResponderExcluir
  12. Suas palavras só nos enriquecem. ...só entende a cruz , quem vive a cruz

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!