sábado, 20 de julho de 2013

Os desígnios de Deus!

Não podemos fugir daquilo que Deus tem para nós. Ele vai nos guiando até atingirmos a meta, que é cumprir o seu plano de amor na vida dos escolhidos.

Trago aqui parte do testemunho de Diácono Ideraldo, em 29 de Agosto de 2010, dentro Kairós da Comunidade Bethânia, Cachoeira Paulista, sede da Canção Nova. Ele nos conta uma história de amor, a sua experiência e a da sua família com padre Léo e a Comunidade Bethânia.
Tudo começou quando o jovem Ideraldo participava do grupo DAVI (Deus ama você irmão). Padre Léo, como frater, pregava retiro na casa padre Deon. Ali já foi nascendo em seu coração o que era desejo de Deus.

"Vejo o Léo como o meu pai espiritual. Tudo o que sou hoje, devo a ele. Assim que o padre Léo se formou padre, foi para Brusque. A gente, adolescente, ouvindo-o pregar aqueles encontros maravilhosos... Um homem de Deus, que nos educou na fé. 
Ele e a Jucélia tiveram a inspiração de construir a Capela do Espírito Santo, dentro do Colégio São Luiz. Fomos nos aproximando. Ali nasceu a Banda VIDA, tantos irmãos, testemunho do amor e da graça de Deus. Onde o padre estava, lá estávamos bebendo da fonte. 
Um certo dia, na capela, na missa, em 1993, eu e a Margarida sentados no corredor, o Léo falou-nos que queria formar uma comunidade para acolher as pessoas".

Ideraldo e Margarida descobriram ali que aquela proposta era o desígnio de Deus para eles. A partir daquele momento tudo iria mudar. "Aquilo tocou nosso coração: É pra nós! Pensamos. E fomos nos preparando...". 

Em 1995, abriu-se uma clareira na colina, e foi celebrada a primeira missa em Ação de Graças, consagrando a Deus o terreno doado.
A partir daí começaram os trabalhos.
"Ali era só mato, eucaliptos e o padre vislumbrou o que viria a ser. Ele era um homem muito especial. 
Estava chegando a nossa hora. 
Iniciamos a construção. O Léo me perguntou se eu não poderia acompanhar a construção". 

A partir daí, a sua vida e a da sua família mudou completamente. Quando tomaram a decisão de deixar tudo fizeram a opção generosa ao chamado de Deus.

A primeira casa ficou pronta: "A casa toda mobiliada, com beliche nos quartos, roupa de cama igual para todos". A casa ganhou “vida” para acolher os filhos, pois precisavam encontrar ali uma casa digna, a casa onde Jesus iria morar.

Com a consagração de Ideraldo e Margarida teve início a missão. "Fui agraciado por que sempre tive o desejo de acolher os mais fracos... E acolhemos a primeira filha, a Madalena. E foi crescendo, chegando outros filhos". 

O diácono Ideraldo e Margarida viram a Comunidade Bethânia crescer e também contribuíram para este crescimento. Ali nasceram seus filhos e participam do processo de conversão dos filhos de Bethânia, assim como eles, vivem o Evangelho de Jesus diariamente.
Um exemplo de fé e de coragem: deixar tudo, um emprego seguro, para viver da providência Divina. Trabalhar para o Reino de Deus não tem preço, na medida em que se faz por amor à missão que o Senhor reservou para cada um de nós.

Um comentário:

  1. Quando olho no meu email em ...blog do Pe. Leo, já me estremeço, porque sei que vem alguma coisa que eu preciso escutar.

    Tenho a foto/cd do Pe. Leo sorrindo no meu gabinete. Ele sempre me inspira e me dá força para continuar e achar que Deus é muito maior que os meus problemas.

    Abraços a todos vocês! Continuem com esta missão. O mundo, e o Brasil, principalmente, precisam de vocês para levar adiante o evangelho, a palavra de Deus!O mundo tem sede de Deus.

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!