quinta-feira, 10 de julho de 2014

Viva o essencial!

"Ao viajar para outro país em peregrinação perdi minha mala, e fiquei desesperado. O que faria em outro país sem minhas roupas? Fiquei preocupado, passei dia angustiado, daí fui rezar e percebi que ansiedade estava tomando conta de mim, mas vi que o essencial eu tinha, que precisava aproveitar a peregrinação, e dei um novo rumo a minha viagem. Onde e com quem você gasta o melhor da sua vida? Eu estava gastando aquela viagem, parado na preocupação da minha mala. Hoje o Senhor te chama a viver o essencial". 
(Pregação padre Vicente, com o tema: “Deus te perguntará sobre o teu coração”, no Kairós da Comunidade Bethânia, em 2009, sede da Canção Nova)

Este trecho da pregação nos lembramos do padre Léo, durante o período de sua enfermidade. Diante da dura realidade, ele entregou o seu coração e a sua doença a Deus. Nos dez meses em que lutou contra um câncer, o Senhor o cumulou de forças, uma “espada valente”, para enfrentar esse caminho, o seu calvário.
A sua fé em Cristo Jesus o fez render a uma luz que irradiou a esperança, o fez descobrir e viver somente o essencial. Ele percebeu a mão de Deus agindo em meio às suas noites escuras. Na intimidade com o Senhor, vinha ao seu coração: “Eu lhe tirei tudo, mas deixei a essência”. 

Padre Léo viveu em Cristo, buscando a sua comunhão, aprendendo tudo, descobrindo o verdadeiro amor, que completa, que constrói, que impulsiona a uma total conversão. É esta amizade discreta que Jesus Cristo nos oferece, no entanto, temos que ter a sensibilidade de senti-lo quando mais precisamos, invocá-lo nas piores situações. 
"Agora revendo o grande filme de sua vida ele podia sentir a presença desse amigo, o seu carinho, as suas palavras, isso tudo sem contar as inúmeras vezes em que ele chegara mais perto, através de pessoas que em seu nome, traziam uma palavra de conforto e esperança" (Rastros de Deus).

Sofrer em Deus significa olhar para o sofrimento como forma de crescimento espiritual, a exemplo do padre Léo, que sentia que o Senhor estava ali para consolá-lo. Contemplou a sua dor olhando somente o essencial em sua vida. Louvando a Deus a cada etapa de seu tratamento, dizia: "cada passo é um passo", e viveu dia após dia o desafio de sua doença, em Jesus.

Assemelhar-se a Jesus Cristo, na beleza de sua santidade, é participar da herança do céu. Assim diz a Palavra. Padre Léo foi capaz de oferecer a sua vida para construir a sua nova história no eterno da vida em Deus.
"Hoje o Senhor te chama a viver o essencial".

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!