segunda-feira, 4 de maio de 2015

Precisamos confiar em Deus!

Aconteceu no ano de 2004. A Canção Nova, em Cachoeira Paulista promovia o Acampamento de carnaval, como faz todos os anos. Às 11h15min, de 22 de fevereiro, padre Léo nos presenteou com mais uma pregação, com o tema: Confiar em Deus.
O que iluminou esta pregação foi a Palavra de Deus que está na primeira carta de Pedro, capítulo 5, versos 7: “Coloquem nas mãos de Deus qualquer preocupação, pois é ele quem cuida de vocês”. 

O seu rico conteúdo está refletido no próprio tema, quando o padre nos convida à experiência de colocar toda a nossa vida nas mãos do Senhor, mas para que isso aconteça devemos confiar a Ele todos os nossos temores e preocupações. Deus é um Pai amoroso que cuida daqueles que são seus, o que chamamos de Providência Divina.

Nós agimos segundo os critérios humanos, não acreditamos em Deus. Não confiamos, e por isso, fazemos as maiores loucuras, os maiores absurdos. Em quem colocamos nossa confiança?
“A gente confia em cada pessoa, alguém pede para você beber o próprio mijo para ficar curado de uma enfermidade, dai você faz essa bobagem”. 

Padre Léo nos conta, com um humor extraordinário, narrando em detalhes, um episódio de sua vida, quando precisou confiar em alguém para tratar o seu intestino. Entregamos nossas vidas nas mãos do médico, de uma enfermeira, para salvar nosso corpo. E nossa alma o que estamos fazendo para salvá-la? Padre Léo nos faz essa pergunta e precisamos respondê-la.
“Nunca passei tanta vergonha na minha vida. Eu sofria de Colite, inflamação no cólon. Tinha que bater uma chapa do intestino. Para isso precisei tomar quatro colheres de óleo de rícino, um vidro de magnésio... 
Já no hospital, a enfermeira me pediu para trocar de roupa, fiquei quase nu. E fez todos os procedimentos... Eu queria morrer, de tanta vergonha. Tomara que esta moça não esteja me vendo, não me reconheça! 
Fiquei pensando: meu Deus, me expor a uma estranha para salvar o meu intestino, eu confiei em uma moça, que nunca vi, fiquei pelado na frente dela, para salvar a minha saúde. Olha o que somos capazes de fazer para salvar o nosso intestino. 
E nossa alma, o que somos capazes de fazer? Não existe um óleo de rícino capaz de lavar seu coração. Existe sim um óleo muito mais profundo, o óleo do Espírito que fluiu do coração rasgado de Jesus, pelado na cruz, humilhado, para nos ensinar: esse é o único jeito!” 

Pela oração e confiança em Deus experimentamos a força, a paz, a graça, em tempos de necessidade. Mas para isso, é preciso tomar a decisão de confiar em Deus.
Será que nas horas de provação, conseguiremos manter a firme confiança no Senhor?  

Escolha tipo e tamanho da fonte do texto:

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!