domingo, 6 de setembro de 2015

Entrevista com o autor da biografia do padre Léo- Segunda parte

Blog : Como o senhor vê a receptividade por parte dos jovens? 

Sr Marlon: Pe. Léo inspirou, e influencia até hoje, a muitos jovens com sua pregação. Portanto, é natural que os jovens tenham curiosidade sobre a vida do jovem Tarcísio em Itajubá, o que ele fazia, como foi a sua vida neste período e, posso garantir, as pessoas vão se surpreender com o que vão ler sobre este período da vida dele.
Um aspecto que, tenho certeza, vai inspirar muito, não só aos jovens, é a capacidade de realização de Pe. Léo. É quase inacreditável que toda esta história tenha acontecido no espaço de uma única vida breve. Trata-se de uma vida equivalente a uns 90 anos, em termos de realizações, que foi vivida em apenas 45!

Blog : Qual foi a parte mais marcante do livro ou a mais difícil de escrevê-la durante o processo? 

Sr Marlon: Eu acredito que o principal desafio de uma biografia é decifrar a personagem, principalmente do ponto de vista psicológico. Uma biografia não é apenas uma descrição de um apanhado de eventos em sequência cronológica, mas a tentativa de entender a personalidade do biografado, com suas alegrias, sucessos, influências, medos, angústias, fracassos... Por isso, o mais difícil foi fechar o quebra-cabeças, tentando entender o porquê de determinadas atitudes e escolhas que ele fez em sua vida.
Se fosse eleger uma parte mais marcante da narrativa, eu diria que foi o momento em que ele tomou a decisão de fundar a Comunidade Bethânia. Avaliando sua monografia de conclusão do Curso de Teologia, vemos claramente que o carisma já está ali. No entanto, partir para a ação e construir a obra, do nada, enfrentando inúmeros preconceitos na sociedade, é algo heroico.
Quando comecei a pesquisa, eu ainda não tinha esta noção, mas depois isso ficou claro para mim: a vida de Pe. Léo convergiu para a Comunidade Bethânia, ela foi um caminho para Bethânia.

Blog: O que o atraiu na vida do padre Léo? 

Sr. Marlon: Na verdade, o que mais me atraiu num primeiro momento foi a sua catequese. A sua capacidade de pregar de maneira absolutamente envolvente, convincente e cheia de esperança. Então, o que me atraiu, assim como também a milhões de pessoas, foi a sua pregação que era muito inspiradora.
Fiquei muito impressionado com seu conhecimento de Bíblia também. O Léo ensinava como quem tinha autoridade. Ele usava uma chave de leitura para o texto sagrado para apresentar a teologia de uma maneira nova e muito inteligente. Aliás, este é outro aspecto muito importante.
Era impressionante a capacidade de ele transmitir uma mensagem de fé usando acontecimentos recentes e os conectando com o texto bíblico. Sua inteligência era muito acima da média e a pesquisa para o livro buscou também entender as raízes desta inteligência.

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!