sábado, 4 de junho de 2016

Não existe menor possibilidade de conciliação entre a Teoria da Reencarnação e a Teologia da Ressurreição

Não há a menor possibilidade (fique bem claro) de conciliação, mesmo que você fale em Ecumenismo, e nós precisamos falar em Ecumenismo... Mas não existe, e é importante que isso fique bem claro, a menor possibilidade de conciliação entre a Teoria da Reencarnação e a Teologia (a certeza) da Ressurreição. Não é porque os espíritas se dizem cristãos que eles são cristãos! Infelizmente, nós temos que dizer isso com todas as letras. Porque o princípio que está motivando esse movimento espírita que hoje espalha-se pelo mundo, especialmente através da Nova Era que prega uma religião light... Uma religião que não me compromete. E, principalmente, porque vem ao encontro da pessoa como uma resposta mágica. 
 

Nós decidimos o destino da nossa alma. Nós temos uma alma imortal que no Juízo Final já vai receber o prêmio ou a condenação. Aquele que morre em pecado mortal já desce imediatamente para o Inferno e de lá não sai mais. E vai ressuscitar no Juízo Final para que a sua carne, agora unida a sua alma, pereça eternamente no Inferno. E Jesus disse que no Inferno tem fogo, portanto é o lugar da tormenta, da ausência absoluta de Deus, da incomunicação. De saber que eu fiz uma opção radical contra Deus. Mas, também, aqueles que fizeram uma opção radical por Deus, mesmo que tenham morrido em estado de pecado (embora não sendo pecado mortal), mas morreram com o desejo honesto e sincero de ir para Deus... Então passam pelo Purgatório e acabarão também, na Ressurreição Final, a alma e o corpo... Esse corpo plantado, corruptível, estragado, ferido, talvez despedaçado, cheio de doença, vai ressuscitar incorrupto, feito o corpo ressuscitado de Nosso Senhor Jesus Cristo. Porque a ressurreição de Jesus é o sinal, a certeza e a convicção profunda da nossa ressurreição."

Padre Léo


Um comentário:

  1. Deus abençoe quem mantem este blog. É sempre bom ouvir a Palavra de Deus, através das palavras deste homem! Obrigado!

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!