domingo, 28 de agosto de 2016

"Vale a pena ser Bethânia!"

No mês das vocações, a mensagem do Pe.Vicente de Paula Neto, presidente da Comunidade Bethânia para a família Bethânia trata-se da vocação dos leigos, consagrados a servir a Comunidade, a Igreja.
Inicia a sua carta refletindo sobre a vida de Lídia, uma mulher de fé, obediente e temente ao Senhor, figura importante nos arredores de Filipos, como comerciante de púrpura. Destacou-se ainda mais, quando conheceu o apóstolo Paulo (At 16, 13-15). 
Paulo e seus companheiros evangelizadores chegam a Filipos. Ali encontrou algumas mulheres reunidas, que exerciam o papel para o qual o Senhor as designou, mas uma delas se destacava: Lídia. Deus começou então, a fazer obra nova em sua vida.
“Lídia acreditava em Deus e escutava com atenção. O Senhor abriu o coração dela para que aceitasse as palavras de Paulo (cfe. V.14). Após ter sido batizada, com toda a sua família, Lídia convidou Paulo e seus companheiros a permanecer em sua casa: ‘Se julgais que tenho fé no Senhor, entrai em minha casa...’ (v.15). Muitas mulheres se tonaram instrumentos de Deus, para que seu plano de amor alcançasse os corações”. 

Uma analogia maravilhosa:

“Quantas mulheres como Lídia se dispuseram ao longo da história a fazer o mesmo. Neste mês de agosto nos lembramos de uma mulher forte e sensível a Jesus. Juscélia Ludwig co-fundadora de Bethânia, assim como Lídia acreditava em Deus e escutava atenciosamente a Palavra de Deus anunciada através de um exímio Paulo deste tempo, o nosso querido Pe. Léo. Assim como Lídia, a força do encontro com Jesus transformou Juscélia, convertendo seu coração numa grande hospedaria para nossos filhos e filhas de Bethânia. Juscélia lembra a atualidade do chamado a ser Bethânia sendo inspiração segura para cada vocacionado, em especial, os da Comunidade de Aliança, que tem nela sua principal intercessora”. 

A data em que Juscélia foi para os braços do Pai, e a do seu nascimento.
“Dia 28 de agosto celebramos a sua passagem para a Eternidade. Já no dia 01 de setembro, o seu natalício. Neste curto espaço de tempo, entre o falecimento e o nascimento, relembramos uma vida de doação e acolhimento que nos move a ser Bethânia no dia a dia”. 

A posição social de Juscélia, uma arquiteta promissora, não a impediu de fazer da Comunidade Bethânia a sua casa, lugar de santificação. Essa mulher forte, determinada, usava de seus dons profissionais para ser a serva do Senhor. Assumiu a sua vocação, chamada a dar testemunho do Deus verdadeiro, por uma vida santa. Foi consagrada a servir a Deus, servir a Igreja, servir aos irmãos.
“Acredito que você conheça mulheres como Lídia e como Juscélia. Quem sabe elas não estejam em sua casa mesmo. Quem sabe você mesmo não é uma delas. E se você, homem ou mulher sentir-se chamado a ser Bethânia, digo: basta acreditar em Deus e ter um coração generoso capaz de transformar-se numa hospedaria. 
Entre em contato conosco: vale a pena ser Bethânia!” 

Como batizados somos chamados à uma missão. Devemos ser sinal de Deus na sociedade em que vivemos, no lugar em que nos encontramos. Esta é a mensagem de Padre Vicente para todos nós e o convite para quem quer ser Lídia ou Juscélia na vida da Comunidade Bethânia:
"Ligue (47)3227-6640- Site: www.bethania.com.br. 
Obrigado! Você é providência de Deus para a nossa Comunidade. Fique na Paz de Deus. Abraço e benção!" 

Escolha tipo e tamanho da fonte do texto:

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!