quarta-feira, 5 de outubro de 2016

O casal que vive segundo Jesus Cristo

"Eu fui criado dos 12 aos 18, 19 anos, pelos meus avós. Meus avós viveram juntos 73 anos, quatro meses e três dias de casados. Os 70 anos de casados, eu celebrei, não era padre ainda. Não tinha padre, fizemos uma celebração. Setenta e três anos, quatro meses e três dias de casados! 



Meu avô era um homem sistemático. Ele falava muito pouco. Quando eu cheguei em Itajubá (eu vim de Santa Catarina), cheguei de madrugada, dei um beijo na minha avó, o corpo dela na sala... E eu sentei do lado do meu avô. E ele ficou quieto. Passado uns minutos, ele bateu com a mão direita na minha perna esquerda e, com a mão esquerda, ele mostrou o corpo da minha avó e falou assim pra mim: 

Meu filho, é o primeiro desgosto que a Biloca me dá!

Gente, o que tinha um casal com 73 anos, quatro meses e três dias de casados? Um casal pobre. Fisicamente, não tinha mais beleza, não tinha mais dente, não tinha mais ruga, não tinha mais vigor sexual. O que levou o casal a viver 73 anos, quatro meses e três dias e ele poder dizer isso da mulher dele? E todos nós que os conhecemos, mais de 160 netos, 150 bisnetos, 12 tataranetos, todos nós podíamos testemunhar: a única coisa que os fez permanecer juntos foi essa certeza de um amor que vem de Deus! E quando esse amor vem de Deus, é alimentado por Deus, quando se tem a sétima talha que é Jesus, o sétimo cálice que é Jesus, então, pode-se perder tudo... Pode perder a beleza, pode perder o vigor, pode perder a saúde, mas não se perde o esssencial. A única coisa que nós não perdemos. Essa é a grande riqueza! E o que o mundo moderno está ensinando? Aí nós entendemos o que é amar. Amar é criar céu para o outro. Amar não é só levar o outro para o céu. Isso é consequência. A primeira situação do amor é criar céu para o outro. É isso que se diz do casamento ao se transformar em sacramento do matrimônio. 

O que significa ser um casal cristão? O casal que vive segundo Jesus Cristo. E para viver segundo Jesus Cristo é preciso fazer uma experiência. Aquela mesma experiência que Paulo no fala em Gálatas 2, 19: 'Já não sou em quem vive, é Cristo que vive em mim'. Quantos casais hoje estão atrás de terapia e buscando o 'sofá novo', e buscando experiências novas, e transformando seu lar num inferno? Por quê? Porque falta Jesus!

Sem Deus é impossível amar. Por que sabe o que vai acontecendo? Com o tempo vai aparecendo a nossa miséria. Com o tempo vai aparecendo a nossa fraqueza. Com o tempo vai aparecendo o vinho velho, o vinho estragado, o vinagre! Por melhor que seja uma pessoa. Nós somos limitados. Nós somos fracos. Nós somos necessitados dessa graça de Deus. Ou nós descobrimos esse segredo ou tudo vai por água abaixo."

Padre Léo

Trecho da pregação "A salvação de nossas famílias".

Para adquirir pregações e livros de Padre Léo, além de produtos da Comunidade Bethânia, clique aqui.

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!