quinta-feira, 27 de abril de 2017

Padre Léo e a anta - Dia Mundial da Anta

Hoje, 27 de abril, é celebrado o Dia Mundial da Anta. A anta é um animal ameaçado de extinção. O objetivo da data é ressaltar a importância da preservação das espécies de anta que vivem na América Central, na América do Sul e no Sudeste Asiático. 



Algumas curiosidades sobre esses simpáticos animais:

São o maior mamífero terrestre brasileiro

Têm visão fraca

- São consideradas "jardineiras das florestas" pois são herbívoras, se alimentam de frutas e ao fazerem cocô espalham sementes pela terra e ajudam na reprodução de fruteiras

- Ao contrário do que muitos pensam, são animais inteligentes. Pesquisadores fizeram contagem de neurônios de antas mortas e constataram uma enorme concentração de neurônios

- Para viver, uma única anta precisa de uma área maior que 500 campos de futebol

- Desmatamento, caça e atropelamentos são ameaças que deixaram a espécie vulnerável à extinção

O leitor mais desavisado de nosso blog deve estar se perguntando:

"E o que a anta tem a ver com a pauta de um blog católico?"

Quem conheceu bem padre Léo sabe (e como sabe) que às vezes ele nos chamava irreverentemente de antas para chamar nossa atenção quando não enxergamos algo que está na nossa frente e que pode nos tornar uma pessoa melhor. Nunca de maneira perjorativa! Ele fazia isso sempre como um alerta quando deixamos de enxergar o plano de Deus em nossa vida e nos desviamos do caminho certo. 


Então, tudo explicado, não poderíamos deixar a data passar em branco, né? Nossa homenagem singela a esses animais fofos, as queridas jardineiras das florestas! E vocês, se prestaram atenção nas curiosidades sobre elas, sabem agora que existem antas mais inteligentes que muitos seres humanos... Brincadeirinha! 

Há alguns anos atrás lemos no site Arte Sacra uma frase sobre padre Léo que sintetiza bem o sentido com que ele nos chamava de antas

"Ao homem que gastou a vida em converter antas em ovelhas."

Abaixo, algumas vezes em que padre Léo usou o termo anta:

"Sabe uma coisa interessante? Você já notou que é muito mais fácil a gente descobrir todos os defeitos de todas as pessoas que estão ao nosso redor e dificilmente a gente vê o da gente? Mas Jesus falou isso! Jesus disse que as antas do tempo dele - e nisso são muito semelhantes as de hoje - que elas são capazes de enxergar o cisco dos olhos do outro e não veem a trave que está no seu... Jesus já ensinou isso!"

Na pregação Jovens Sarados, padre Léo nos alertou sobre o perigo de nós, cristãos, acreditarmos na teoria da reencarnação: 



"Eu sou único e o meu dedão fala isso: porque tem seis bilhões de pessoas no mundo e a Ciência diz que nunca existiu, não existe e nunca vai existir alguém que tenha o dedão igual ao meu. Deus dá risada desse povo que fica falando em reencarnação. Quando eles fazem revelação, Deus só fala: 'Oh! Tá no dedão, meu filho! Aprenda a escrever. Por isso quando a pessoa não sabe escrever põe o dedão ali...' Quando mandava escrever por extenso, ele riscava assim... É uma forma de dizer que até o pior dos analfabetos sabe mais do que o sábio que sabe tudo e não sabe nada. E não sabe que cada um de nós é único!"

Em outra pregação, ele também fez uma piada sobre isso:



O garotinho estava com a mãe visitando o zoológico e disse:

- Olha, mãe, aquela anta parece a tia Aparecida!

- Não fale isso, menino!

- Calma, mãe, a anta não ouviu não!

Em um trecho da pregação Seguindo os passos da Sagrada Família, padre Léo e mais um ensinamento sábio:


"As pessoas são bestas demais! Sofrem porque querem. Cada um tem o seu jeito de ser besta... O bicho que mais se reproduz no mundo hoje é anta. É numa proporção absurda! 

'Se o meu marido não me explicar direitinho, eu não vou perdoá-lo.'

Minha filha, perdoa ou não perdoa, porque a explicação dele não vai mudar o fato! Ou vai mudar? Ou você quer ser enganada? A pessoa gosta de ser enganada. Pergunta quando já sabe a resposta!


Se convenceram de que as antas merecem demais nossa homenagem no dia de hoje? Deixem suas opinões nos comentários :) 

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!