quinta-feira, 29 de junho de 2017

WikiPeLéo - A coragem é a força do coração

Evento - Acampamento PHN
Local - Comunidade Canção Nova
Data - 17.04.2005 - 09 horas 
Palavra de Deus base para essa pregação: Isaias 5, 20

A coragem de dizer não aos vícios, aos comportamentos promíscuos, às drogas, ao cigarro, ao álcool. A coragem de ser surdo aos apelos do mundo. A coragem de se deixar preencher totalmente de Deus! Isso é o que nos diz essa pregação espetacular de padre Léo. 

Abaixo, trechos da pregação:




"A coragem é a grande atitude que se requer daqueles que são chamados a entrar no exército de Deus."

• Padre Léo pede que leiamos Atos dos apóstolos 4, 13.

• Padre Léo nos ensina que há três níveis de uso de drogas: uso, abuso e dependência. Nos fala sobre os efeitos da maconha, cocaína, crack e ecstasy em nosso organismo.

"O jovem se droga acreditando que a droga lhe dá coragem. Lhe dá ousadia pra fazer aquilo que ele não fazia. Começa com essa mentalidade besta, social, da bebida alcoólica. A droga mais perniciosa para o jovem não é a maconha. Graças a Deus, 95% dos jovens que fumam ou já fumaram maconha não se tornam dependentes de maconha. Mas 84% dos adolescentes que bebem bebida alcoólica tornam-se dependentes do alcoolismo. É estatística do Organização Mundial da Saúde. Quando você vir uma pessoa beber, ou uma pessoa fumando maconha, não pensa logo que ela já é uma dependente. Há três níveis de uso de droga. Há aquela pessoa que usa uma droga esporadicamente... Que talvez usou droga uma vez na vida e nunca mais vai usar. Há o fato de um jovem, por exemplo, numa festa na casa dele, bebeu demais. Ficou bêbado e caiu lá, no chão! Mas nunca mais vai beber! Tem nojo da bebida. Então, primeiro é o uso pela curiosidade. 

Há também aqueles que podem beber a vida inteira e nunca vão se tornar dependente. É uma pessoa que toma lá uma dose... Meu pai, por exemplo! Meu pai nunca foi dependente de bebida. Nunca! Se chegasse em casa e convidasse pra tomar uma cachaça boa, uma cachaça feita em alambique... Papai tomava assim, aquele golinho. Nunca foi dependente. Sempre foi um homem livre. A bebida podia estar lá, debaixo da pia podia ter um litro de cachaça que ele ganhou de alguém. Mas era livre! Não tinha nenhuma espécie de dependência. Aquela pessoa que não se deixa usar pela bebida. 

Há um segundo nível, esse é o que mais atinge o jovem, hoje, que é o nível do abuso."


• Padre Léo nos alerta do perigo do álcool e a dependência física que ele nos traz. E de como os jovens muitas vezes se prostituem pela primeira vez depois de um gole de bebida ou do uso de drogas.

"Que desgraça para o jovem que se deixa alimentar pela droga achando que daí virá a sua coragem."

"Por que uma menina com 14, 15 anos de idade, que foi numa festinha... Que transou com um coleguinha... Como é que ela se olha depois? E o menino também! Que visão a pessoa tem de si mesma quando sabe que já é uma laranja chupada e que está sobrando só os bagaços? Ou não é isso que o mundo quer de vocês?"

"Cadê aquela dignidade linda que Deus deu a você? É pra isso? Olha no que você se tornou depois que acabou deixando-se levar pelo convite daqueles... Aliás: olhe para aqueles amigos e amigas que, um dia, você admirou. Que um dia você queria ser igual. Onde eles estão hoje? É o discurso dos derrotados. Na sociedade existem os vitoriosos: aqueles que têm a coragem de Deus! Que enfrentam! Que dão a volta por cima! Que passam pelo problemas! Que mesmo quando caem nessa desgraça (e muitos caem, eu mesmo cai e você também poderá cair ou ja caiu) aprendem a transformar a queda em impulso para a vitória."


• Padre Léo fala sobre a prostituição e sobre uma pesquisa que diz que as pessoa da Terceira Idade estão indo por esse caminho, viciadas em bingos e festinhas da terceira idade, e como não têm mais o risco de engravidar, praticam sexo casual.  E que o número de aidéticos cresceu entre a Terceira Idade no Brasil, e isso é recorde mundial. 

"Eu queria dizer para vocês, meninas: nunca ponham bebida na boca! Cigarro, que coisa nojenta!"

"A coragem é uma força que independe das situações externas. Ela é interior. Ela brota de dentro para fora. Ela faz você superar as dificuldades."

"Eu não vou me deixar dominar por nada nem por ninguém porque minha força vem de Deus. A minha coragem vem de Deus. A verdadeira coragem vem de Deus! Enquanto você não se convencer disso, você é uma presa fácil na mão daquele amigo, que parece ser um amigão, mas, coitado... E aí é bom que se diga: ele não é pessoa ruim, não! O problema dele é que um dia ele acreditou na história falsa que o encardido trouxe. E aceitando, deixou-se levar, e hoje é impotente... Não consegue mais! Droga, gente, é coisa séria! Se não fosse, não teria esse nome."

• Padre Léo conta a história do Pau de Sebo. História contada por ele também no livro "Experenciar milagres".

"Não é fácil! Por isso você precisa desses dois elementos que alimentam a coragem. Primeiro, você precisa ter essa meta interior. Você precisa ter fome! O dia que sua fome de Deus for maior do que a fome de qualquer coisa que você tem, você deu o primeiro passo. Mas é preciso também que você seja surdo aos apelos e convites estragados que o encardido faz através das pessoas! Através dos meios de comunicação estragados. É preciso ser surdo. É preciso ter a coragem de fechar o ouvido para o barulho do mundo para escutar Deus que fala lá no íntimo do seu coração."

"Você precisa esvaziar o seu coração, seu bolso, sua bolsa, sua barraca, sua casa, de tudo aquilo que não presta e você está carregando. Porque, um dia, iludido pelo pecado, acreditou! Por isso, hoje, não tem a coragem para lutar. Observe como você perdeu a coragem de lutar pelo cigarro! Hoje você acha que precisa do cigarro. Depende do cigarro! E eu digo a você hoje: tome uma decisão. Você é mais forte do que o seu vício. Hoje é o primeiro dia do resto da sua vida. Hoje é o dia de você jogar fora esse maço de cigarros. Tome agora essa decisão! Na graça de Deus, hoje, eu tomo essa decisão de nunca mais fumar!

 Também você que está em casa e que fuma... Até hoje você não conseguiu parar de fumar porque você não foi procurar a sua coragem em Deus. O que faltava a você era a coragem! E a primeira coragem que falta a você é a coragem de dar o primeiro passo. E eu convido agora: dê esse primeiro passo! Inclusive você que está aqui, se tem maço de cigarros no bolso ou na bolsa, não tenha medo: coragem de Deus! Pega esse maço, aperta e joga aqui pra frente. Não tenha medo. Você precisa. Você não depende desse cigarro! Você não depende dessa droga! Você não depende do álcool! A sua proteção não está nessa camisinha! A sua proteção, a sua força e a sua coragem estão no Senhor que fez o Céu e a Terra. Tome a decisão hoje corajosa! Eu vou romper com esse pecado. 

Qual é o vício? Talvez você tenha vício interior e precisa lançar fora do seu coração. Lance fora! Por isso permaneça com os olhos fechados. Olhe para dentro de você hoje. Olhe no mais íntimo do seu coração. E peça: "Senhor... Pai santo, Pai querido, Pai amado! Em nome de Jesus, e por causa dele, derrama no meu coração agora a força do teu Espírito Santo. Põe a mão no coração e reze comigo hoje: 


"Derrama no meu coração, Pai santo, Pai querido, Pai amado, em nome de Jesus, a força do  Espírito Santo. Espírito de ciência e de fortaleza. Espírito de sabedoria e de coragem. Espírito de temor do Senhor! Invista em meu coração agora, ó Pai, com a coragem do Espírito Santo! A coragem intrépida, desassombrosa, que levou os apóstolos a anunciarem com poder o nome de seu filho Jesus. A ressurreição de Jesus! Hoje também, Pai, eu suplico esse mesmo Espírito Santo. O desassombro desse Espírito Santo para anunciar o poder da ressurreição de Jesus na vida desse menino e dessa menina. O poder de Cristo Ressuscitado na vida desse jovem. O poder do Cristo Ressuscitado na vida desse senhor. O poder do Cristo Ressuscitado na vida desse idoso e dessa idosa. Hoje eu peço, Pai, que de fato esse PHN aconteça e se realize nesse coração e nessa vida..."

Curiosidade:

Padre Léo usa a sigla ANTA : Associação Nacional de Treinadores Alpinistas

0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!