quarta-feira, 25 de julho de 2018

PHN: Compromisso com o Evangelho!

A Comunidade Canção Nova reuniu mais de 100 mil jovens, de 18 a 22 de julho, em Cachoeira Paulista (SP), para celebrar os 20 anos do Acampamento PHN. Essa obra de Deus que se espalhou no coração de cada jovem, com a força do Espírito Santo, obedecendo a ordem de Jesus de não mais pecar. O tema teve inspiração na frase de Dom Bosco: “Basta que sejais jovens para que eu vos ame”. Este santo que lutou toda a sua vida pela conversão dos jovens. Por essa razão é o padroeiro da juventude.

Monsenhor Jonas Abib: Não há como conhecê-lo profundamente sem ser atingido pelo seu grande exemplo de vida. A amizade entre Bethânia e Canção Nova gerou uma aliança de amor, de partilha, de união fraterna.
Uma característica da vida do padre Léo tem a ver com a juventude: o seu ardor missionário. Prova disso é o seu envolvimento por inteiro com o projeto de evangelização da Canção Nova, participando todos os meses dos Acampamentos.



“O primeiro compromisso que Pe.Léo assumiu foi o Acampamento PHN de 1999, no feriado de 15 de novembro... fez três pregações no dia 13/11 (“Na Bênção de Deus”, “Jovens  Sarados” e “Jovens Restaurados” e duas no dia 15/11 (“Famílias Restauradas”e “ Milagre, uma resposta de Deus”)”  (Biografia Padre Léo).

Relembramos aqui a Pregação: “Jovens restaurados”:
Reflexão da Carta de São Paulo aos Efésios, capítulo 4, versos 17 ss: “...não persistais em viver como os pagãos, que andam à mercê de suas ideias frívolas...” Trata-se do homem velho e do homem novo. Padre Léo vem dizer ao jovem, exortando-o a deixar as coisas velhas e avançar para as coisas novas, rumo à santidade, à partir de uma experiência pessoal profunda com Deus. “Se quer ser de fato construtor de um novo céu e nova terra, renuncie à vida passada. Entregue seu passado ao senhorio de Jesus”.

O caminho da mentira leva o jovem a abrir a porta para o encardido. Padre Léo fala àquela juventude sobre a oportunidade de mudança, de maturidade. E para isso narrou com detalhes o episódio daquele empregado que abordou o patrão para falar mal de seu companheiro de trabalho. O fofoqueiro teve que passar pelo teste das três peneiras: A peneira da verdade (O que o Senhor vai me falar é verdade?), a da bondade ( Se tivesse acontecido com o Senhor. Gostaria que alguém ficasse sabendo ?) e a da necessidade ( É absolutamente necessário aquilo que vai me falar?
Ele não passou pelo teste. Então precisou de uma quarta peneira: a da Misericórdia.
“A peneira da Misericórdia é saber que nosso Deus tem um coração voltado para você que é pecador. É dobrar o joelho no chão e reconhecer que sou pecador, sou fraco e limitado. E ao mesmo tempo  é você voltar seu coração para compreender a fraqueza e a miséria do outro”.

O mundo vive tempos difíceis. Nossa juventude vive na ilusão. Sozinhos não vamos conseguir. O caminho só pode ser o da decisão de amar. Amar a Deus e ao irmão. Não há como desejar um mundo melhor se não houver conversão. Essa é a mensagem dessa belíssima pregação.

Ao final dessa pregação, padre Léo e Dunga (fundador do PNH), cantam: “Eu quero amar, eu quero ser, aquilo que Deus quer. Sozinho eu não posso mais...”





0 Comentários:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!