A experiência da beleza de Deus no Monte Tabor

Monte Tabor: um monte majestoso, vemos a beleza do panorama, o lago de Genesaré, o monte Carmelo e o Mediterrâneo. Ali ocorreu um dos principais acontecimentos da história:  a Transfiguração de Jesus. Graças místicas concedida aos três apóstolos escolhidos, para lhes fortalecer a fé, preparando-os para a sua morte. Uma confirmação de que Jesus era verdadeiramente o Filho de Deus.

Em Outubro de 2005, padre Léo fez a sua última viagem à Terra Santa. Sua peregrinação chega até o Monte Tabor. Entrar na Basílica da Transfiguração é mergulhar no profundo mistério de Deus através de Jesus. Ali, no altar do Senhor, padre Léo celebra a Eucaristia, contempla a infinita grandeza divina, representada pelas imagens. Um lugar de encontro com o Senhor.

Trazemos aqui trechos de sua homilia, quando fez uma breve reflexão sobre a leitura da segunda carta de São Pedro: “Na realidade, não é baseando-nos em hábeis fábulas imaginadas que nós vos temos feito conhecer o poder e a vinda de Nosso Senhor Jesus Cristo, mas por termos visto a sua majestade com nossos próprios olhos...” (2 Pd 1,16 ss)

Subir ao monte e fazer a experiência de estar com o Senhor, este é o convite.
“Estar agora no coração de cada um, uma alegria profunda, nesta manhã, estamos sendo convidados a estar com o Senhor no Monte Tabor”.

Os três privilegiados amigos de Jesus viram a sua glória e a antecipação da eternidade para depois suportar os maiores sofrimentos.
“Jesus só convida os três: Pedro, Tiago e João, a estar com Ele no Monte da Transfiguração e que são os mesmos a estar com Ele no Monte da Desfiguração, o Getsâmani”.

A recordação de Pedro do Monte Tabor (testemunha ocular) é fonte sólida,  do esplendor e da glória da vida eterna. Cabe a cada cristão a anunciar o Reino de Deus em seu meio.
“ É preciso que este momento se revista de um sentido espiritual profundo.E mais do que isso, segundo o que Pedro nos fala nesse trecho espetacular da sua 2ª carta, que cada um de nós assumamos um grande compromisso. O Tabor precisa gerar compromisso.
É pena que quando as pessoas vem ao Monte Tabor, elas ficam dando risadas, contando histórias, mas não fazem o encontro pessoal com Jesus.
E o que Pedro testemunha não foi coisas extraordinárias do Tabor, foi a experiência do encontro pessoal com Jesus, e esse é o grande segredo que, infelizmente é deixado de lado, por muitas pessoas, o grande segredo do Tabor. Pedro vai fundamentar a experiência do Tabor na força da Palavra”.

Naquele lugar de encontro com Deus, padre Léo pode experimentar a alegria interior, alegria que tem sua fonte no próprio Cristo, pode penetrar um pouco em seu mistério de amor. Alguns meses após, viveu momentos difíceis duros, desafiantes. Viveu seu calvário para depois viver a alegria da perfeita realização.


Compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são moderados antes da publicação no blog. Comentários anônimos não serão publicados.
Deixe seu nome ao final do comentário.

Comente este Artigo.
Quer entrar em contato conosco? Clique Aqui

O Blog Padre Léo Eterno agradece sua participação.
Deus lhe abençoe!

Arquivo do blog

Postagem em destaque

Matrimônio: uma só carne em duas pessoas

A sexualidade conjugal tem que ser fonte de vida. Assim como Deus é um só no plural; Ele é Deus Pai, Filho e Espírito Santo, o ser humano nã...